Publicidade

Somos um grupo de cinco jornalistas com larga experiência que resolveu se reunir para criar, na cara e na coragem, um veículo próprio para produzir informação e análise num relacionamento absolutamente respeitoso e horizontal. Aqui não tem chefe.

Temos quilometragem na cobertura do poder: muitas solas de sapato gastas, milhares de horas-bunda de espera nos gabinetes, portas e calçadas, muito sanduíche frio e coca-cola
quente. Também muitos furos e primeiras páginas – e algumas “barrigas”, porque ninguém é perfeito nem infalível.

Faz tempo que estamos acompanhando essa história fascinante, e também às vezes repugnante, que é a trajetória política de nosso país. Crescemos e começamos a trabalhar sob o tacão da ditadura militar, acompanhamos a redemocratização, a Constituinte, as eleições presidenciais, “n” pacotes econômicos, os escândalos de corrupção e até a rara ocasião de um impeachment – que, por incrível que pareça, está se repetindo hoje. Não há, portanto, hora melhor para estrear um blog de quem gosta de notícia.

Gostar de dar a notícia correta e acreditar na capacidade das pessoas de formar sua própria opinião a partir dela é a grande convergência dos Divergentes. Somos pessoas diferentes, discordamos e batemos boca defendendo pontos de vista opostos. E daí? Daí nada. Continuamos a nos respeitar e a vida segue.

Queremos que Os Divergentes seja um espaço de divergências e de convergências num Brasil que, nos últimos tempos, parece ter perdido a capacidade de dialogar. Falar e ouvir. Concordar, ou não, é secundário. O principal é reconhecer no outro o direito de dizer o que
quer, votar em quem quiser, acreditar no que bem entender – essência das democracias.

Andrei MeirelesAndrei Meireles
Repórter de Política há mais de 40 anos, Andrei Meireles passou pelas redações dos jornais O Globo e Jornal de Brasília, das revistas IstoÉ e Época, foi comentarista político do boletim diário da revista Época na rádio CBN e colunista do Fato Online. Um dos mais premiados jornalistas brasileiros, tem dois prêmios Esso (de Reportagem em 2000 e de Jornalismo em 2001) e três prêmios Embratel (de Jornais e Revistas em 2001 e 2004 e o Grande Prêmio Embratel Barbosa Lima Sobrinho em 2009).

Helena ChagasHelena Chagas
Jornalista, formada na Universidade de Brasília em 1982. De lá para cá, trabalhou como repórter, colunista, comentarista, coordenadora, chefe de redação ou diretora de sucursal em diversos veículos, como O Globo, Estado de S.Paulo, SBT e TV Brasil (EBC). Foi ministra chefe da Secretaria de Comunicação da Presidência da República de janeiro de 2011 a janeiro de 2014.

Ivanir José BortotIvanir José Bortot
Formado em jornalismo pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul com pós graduação em jornalismo econômico pela Faculdade de Economia e Administração(FAE) de Curitiba/PR.

Repórter especializado em finanças públicas e macroeconomia, com passagens pela Gazeta Mercantil, Folha de São Paulo e Secretaria de Comunicação da Presidência da República. Participou da cobertura de formulação e implementação de todos os planos econômicos do país deste o Plano Cruzado, em 1985, ao plano Real, de 1994. Sempre atuou na cobertura diárias das decisões de política econômica dos Ministério do Planejamento, Fazenda e Banco Central.

Experiência em grandes coberturas de finanças como das reuniões anuais do Fundo Monetário Internacional(FMI), do Banco Mundial(BIRD) e Banco Interamericano de Desenvolvimento(BID).

Orlando BritoOrlando Brito
Um dos mais conhecidos e premiados fotógrafos do país, Orlando Brito nasceu em Minas e chegou a Brasília ainda menino, no início de sua construção, em 1956. Fez viagens por mais de 60 países, em coberturas presidenciais, papais e esportivas, como Copas do Mundo e Olimpíadas. Tem seis livros publicados e quatro outros no prelo. Recebeu vários prêmios, entre eles o Press Photo do Museu Van Gogh. de Amsterdã. Onze vezes Prêmio Abril de Fotografia. Bolsa da Fundação Vitae, de São Paulo, em 1991. Várias exposições individuais e obras no acervo de diversos museus do mundo.

Tales FariaTales Faria
Jornalista formado pela UFRJ em 1983. Foi vice-presidente e publisher do Portal iG, colunista, repórter, diretor e editor de alguns dos mais importantes veículos de comunicação do país, como a revista IstoÉ, os jornais O Globo, Folha de S.Paulo e Jornal do Brasil, em que participou de diversas coberturas premiadas. Incluindo o prêmio Jabuti na categoria Reportagem, com o livro “Todos os Sócios do presidente”, sobre o impeachment de Fernando Collor de Mello.