Rudolfo Lago

Rudolfo Lago
116 TEXTOS 0 Comentários

O tempo é de acordo ou de desacordo nacional?

“Formação de quadrilha, corrupção ativa. O grande acordo nacional”: hoje viralizou a alteração na placa de identificação do Congresso Nacional. E, enquanto isso, o risco é que os tempos sejam de desacordo,

A única certeza de 2018 é que o Brasil vai à Copa da Rússia

Todo o resto – especialmente todo o resto que se refere a política e às eleições do ano que vem – é matéria somente para as videntes de plantão. O quadro é de total incerteza.

A cláusula de barreira deve evitar uma eleição pulverizada

Uma lenha para os partidos pequenos, a cláusula de barreira pode levar João Doria e Jair Bolsonaro a pensarem duas vezes antes de trocar de legenda.

PT e eleição em clima de “Dragão da Maldade contra o Santo Guerreiro”

Ao que parece, o PT definiu-se por ou Lula ou nada. Seguirá em uma linha de confronto: o bem contra o mal.

Os tucanos fazem ninho numa colcha de dilemas

Eleições 2018, Aécio Neves, apoio ao governo Michel Temer: já faz um tempo que o PSDB não sabe se casa ou se compra uma bicicleta...
Michel Temer e Rodrigo Janot

O desarmônico diálogo entre “associações criminosas”

A partir do momento em que atingiu poderosos nos primeiros escalões dos poderes da República, a Operação Lava-Jato e seus similares começou a gerar uma incômoda desarmonia na República.

É à esquerda que 2018 se define

As novidades mais importantes na rodada do Datafolha divulgada neste fim de semana.

Os “piores políticos do mundo” se unem contra o avanço institucional

O espírito de sobrevivência da corporação: Aécio passa a ser agora, na visão da classe política, uma primeira pedra do dominó. Se for derrubada, outras, igualmente investigadas, igualmente com denúncias pesadas sobre si, podem vir a ser.

A crise que não acaba atiça o cheiro de pólvora

O Brasil paga o preço de ao longo da história se valer dos militares como ferramenta por não conseguir resolver seus problemas políticos pela via civil e democrática.

Janot, o procurador de encrenca geral da República

Impossível saber agora como o ex-PGR passará à história. O certo é que, seja no cumprimento do seu papel, como ele argumenta, ou não, Janot foi mesmo um procurador de encrenca geral da República.