José Antônio Severo

José Antônio Severo
53 TEXTOS 0 Comentários
Jornalista há mais de 40 anos na imprensa econômica, foi editor executivo da revista Exame, editor e diretor da Gazeta Mercantil, editor chefe do Jornal da Globo e diretor geral de Jornalismo da Rede Bandeirantes. Foi repórter dos jornais O Estado de S. Paulo e O Globo, das revistas Realidade e Veja. Na televisão foi integrante da bancada do programa Crítica&Autocrítica da Rede Bandeirantes e âncora do programa Primeira Página da TV Nacional de Brasília. Autor, dentre outros, dos livros “Os Senhores da Guerra” (L&PM Editores) e “Cem Anos de Guerra no Continente Americano” (Editora Record). Produtor e roteirista de longas metragem.

Série: Rio de Janeiro do bacamarte ao fuzil AR-15… o tiroteio não para

Esta é a segunda parte da série que aborda os problemas de segurança vividos no Rio de Janeiro. E isto já acontece há bastante tempo.

Série: Rio de Janeiro do bacamarte ao fuzil AR-15

Nesse final de semana, faremos uma série de dois textos mostrando que problemas de segurança não é novidade no Rio de Janeiro.

O Show de Bolsonaro para a Bancada Ruralista

Em almoço com a bancada ruralista, Bolsonaro endossou todas as bandeiras do agronegócio, inclusive a redução dos territórios indígenas, quilombos e áreas de preservação ambiental.

O tumulto da pororoca amazônica

A entrada de Arthur Virgílio na disputa da candidatura tucana para a presidência, em 2018, promete gerar turbulência

Huck abandona a luta; a sina dos candidatos artistas

Chamar um artista para salvar a pátria e o eleger a presidente não é tão incomum quanto parece. O Brasil ia mais uma vez se igualar aos EUA, até que houve a desistência de Huck.

Marcha dos prefeitos

Rebuliço na Praça dos Três Poderes com milhares de municipalistas pressionando Congresso

Porque a Lei Áurea impediu o Terceiro Reinado da Princesa Isabel

Como nas mal acabadas reformas atuais, a lei que acabou com a escravidão também foi desfigurada no Parlamento. O país paga até hoje o preço dessa mutilação.

A pressa do golpe de 15 de novembro visava impedir a coroação da Princesa...

15 de novembro já foi a data cívica mais importante do País, hoje em dia, abalada pela ideologia de desqualificação da História do Brasil, a proclamação da República é uma narrativa que está sendo reduzida para a mediocridade de uma simplória quartelada militar. Entenda mais sobre a história nesse texto

Esquerda prepara caminho para campanha em tempo de crise

Em artigo, Nelson Barbosa afirma que o projeto de reforma da previdência enviado por Temer ao Congresso tem origem no governo Lula e foi mantido por Dilma. Será uma nova Carta aos Brasileiros?

Recuo de Temer na Previdência traz alívio aos parlamentares candidatos

Na Argentina, mesmo com reformas duras, o presidente Macri ganhou as eleições. No Brasil, a base governista teme que, sem amenizar a reforma da Previdência, pague o preço nas urnas.
Publicidade
Publicidade